Friday, June 30, 2006

UM ÓPTIMO FIM DE SEMANA.




















E VIVA PORTUGAL...

espero que não fique desactualizado a partir de sábado ás 19h.

E assim sendo...

Hei-de escrever o quê ? Pois não faço a minima ideia, apetecia-me algo...

Dizer mal do governo está na moda, não me apetece.

Dizer mal do Bush, é uma ideia, mas só em ocorre coisas impublicáveis.

Falar sobre o Mundial, estou demasiado ansioso com o jogo de amanhã, não sei se hei-de de ter fé e ficar com umas grandes trombas depois de acabar o jogo, ou então jogar pelo seguro.

Posso dizer tanta coisa e olha, não digo nada.

Até logo.

Adenda : as coisas que ISTO me lembra, estou mesmo cota, porra.

Não resisto : Will someone give a blowjob to Bush so we can impeach him...please.

Thursday, June 29, 2006

Há 30 anos que não me sentia assim.




















Numa sala de tribunal:

Juiz: - Qual sua idade?
Velhinha: - Tenho 86 anos.
Juiz: - Diga-nos, por palavras suas, o que lhe aconteceu no dia 1º de Abril do ano passado.
Velhinha: - Estava sentada no alpendre da minha varanda, num fim de tarde suave de primavera, quando um jovem, sorrateiramente, se sentou a meu lado. Juiz: - A senhora conhecia-o?
Velhinha: - Não, mas ele foi muito simpático...
Juiz: - O que aconteceu depois?

Velhinha: - Depois de uma amena cavaqueira, ele começou a acariciar-me a coxa...
Juiz: -A senhora tentou impedi-lo?
Velhinha: - Não.
Juiz: - Porque não?
Velhinha: - Era muito agradável. Desde que o meu Alfredo faleceu, há 30 anos,nunca mais ninguém me tinha feito isso.
Juiz: - O que aconteceu depois?
Velhinha: - Acho que, pelo simples facto de não o ter impedido, ele começou a acariciar os meus seios...
Juiz: - E nessa altura, a senhora deteve-o?

Velhinha: - É claro que não!
Juiz: - Porque não?
Velhinha: - Porque, Meritíssimo, ele me fez sentir viva e excitada. Não me sentia assim molhada, há 30 anos.
Juiz: - O que aconteceu depois?
Velhinha: - Ora, Sr. Dr. Juiz, o que faria uma mulher verdadeira, ardendo em chamas, já de noitinha, diante de um jovem ávido de amor? Estávamos sós e abrindo as pernas suavemente, disse-lhe podes possuir-me, rapaz!
Juiz: - E ele, possuiu-a?
Velhinha: - Não !!! Ele gritou: '1º de Abriillll...!!!' Foi então, que dei um tiro no filho da puta!!!

e.mail : Maria.

Lembranças.













mais uma vez lembrei-me desta... liguem o som.

PLAY

não aguento em mostrar este, uma gaja com pavor a ...... play

será possivel ?

olhem lá este video clip indiano. PLAY

aint life a bitch...PLAY

Assim sim...




















A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) recebeu esta quarta-feira um faxe da sua congénere da Holanda de cumprimentos pela vitória da selecção portuguesa no Campeonato do Mundo da Alemanha, com de felicidade para os próximos jogos.

«Depois de ultrapassada a desilusão inicial e olhando para trás vemos um jogo emotivo, no qual a equipa mais forte conseguiu alcançar a qualificação para os quartos-de-final. Oito fortes selecções competirão, pelo que gostaríamos de lhe desejar as melhores felicidades para as próximas etapas do torneio», pode ler-se na carta assinada por Jeu Sprengers, presidente do organismo, e por Harry Been, secretário-geral, divulgada pela FPF.

Wednesday, June 28, 2006

Tchau, vou para Angola

Vá lá, não sejas mau...

Psicologia infantil.

















O pai pergunta ao filho de 12 anos se ele sabe como são feitos os bebés e ele, desata a chorar e responde: - Não quero saber! Promete que não me contas! E o pai, espantado, pergunta porque razão o filho não quer saber,ele ainda chorando, responde : - Quando eu tinha 6 anos contaram-me que não havia coelho da Páscoa, aos 7 descobri que não havia Fada Madrinha e aos 8 contaram-me que o Pai Natal eras tu! Se eu descobrir que os adultos não dão quecas...
não tenho mais
qualquer razão para viver!

Tuesday, June 27, 2006

Ora comentem lá esta ...

O Joãozinho, depois de espreitar os pais, no quarto:
- Porra, se eu tive que ir à psicóloga por chupar o dedo, a mamã vai ser internada no hospício...

Hoje não há tempo para mais...




















Um homem entra no seu restaurante favorito e senta-se à mesa de sempre.
Dá uma olhada em redor e descobre uma bela mulher numa mesa próxima.
A mulher estava completamente só. O homem chama o empregado e pede-lhe para mandar à mulher o "Merlot" mais caro que tivesse, supondo que, se a mulher aceitasse o vinho, se renderia a seus pés. O empregado levou o vinho à mesa da mulher:
- Isto é um presente daquele cavalheiro.
A mulher olha o vinho com frieza durante um segundo e decide enviar um bilhete ao homem. Entrega-o ao empregado que por sua vez o entrega ao destinatário. O bilhete dizia:
"Para que eu aceite este vinho, você deveria ter um Mercedes na sua
garagem, um milhão de dólares no banco e 17 centímetros dentro das calças."
Depois de ler o bilhete, o homem decide responder. Dá um bilhete ao
empregado, para que ele o entregue à mulher. O bilhete dizia:
"Para sua informação, tenho um Ferrari Testarossa, um BMW 850Csi, umAudi S8 e um Mercedes S600 na minha garagem. Além disso, tenho por volta de 12 milhões de dólares na minha conta. Mas nem por uma mulher bela como você, eu cortaria cinco centímetros.
P.S. Devolva o vinho!!!

Monday, June 26, 2006

Cenas que agora andam na moda.



Which "Natural Wonder" are you?

Bem, só vejo uma maneira para aumentar a minha popularidade neste blog que é um hino ao mau gosto ...

O país possível ...


Por vezes, os diplomas que são publicados no Diário da República têm erros (regra geral, as chamadas "gralhas"), que importa obviamente corrigir. São coisas que acontecem, mas hei-se sempre considerar que os lapsos deveriam ser eliminados antes da publicação e não depois da mesma. Dava mais credibilidade à coisa.
Ora, quando se faz uma correcção, é publicada uma "Declaração de Rectificação". Só que, por vezes ... a própria "Declaração de Rectificação" não foi correctamente corrigida e ... tem erros. E, por vezes, os erros continuam ...
Vejam lá o que saiu no Diário da República de hoje e depois digam se isto parece um país a sério ... a não ser no futebol, matéria em que somos notoriamente os melhores do Mundo

Sem palavras...

Friday, June 23, 2006

Bom fim de semana...















SEM MEDOS.
Não vai a bem, vai a mal.

Wednesday, June 21, 2006

A propósito do post anterior ...

No comments

Segundo a revista Focus (pág.25), a EDP conta com um novo assessor jurídico. Foi nomeado pelo ex-ministro António Mexia (actual presidente executivo da EDP) e vai ganhar cerca de
€ 10.000/mês.
Quem será ele?
Pensem um pouco...





Mais um bocadinho...




Não era fácil:

Pedro Santana Lopes

Sunday, June 18, 2006

Sai um abraço para o Gomes da Silva !

A história conta-se em poucas palavras.
Caiu há poucos dias uma tempestade de granizo, algures no norte, que causou elevados prejuízos na agricultura local, sobretudo nas colheitas de vinho do Porto. Em poucos minutos, perdeu-se quase por completo o trabalho de um ano. Os viticultores, como sempre, reclamam indemnizações. Se chove muito, reclamam indemnizações para as cheias. Se não chove nada, reclamam indemnizações para a seca. Os agricultores portugueses adoram indemnizações. Como se sabe, o único culpado das chuvas e das secas é o Estado. Mas, afinal, quem é esse tal de “Estado”, a quem são exigidas tantas indemnizações ? somos todos nós. Os outros cidadãos. Os otários. Somos nós que pagamos essas indemnizações. Nós é que tivemos culpa pela queda do granizo.
Tudo isto porquê ? porque a maioria dos agricultores afectados não tem seguros de colheita. Saliente-se que o Estado até comparticipa para estes seguros (o seguro em causa custa 45 Euros por hectare e o Estado – nós – pagamos os restantes 75% do prémio às seguradoras), mas os homens das camisas de xadrez, parcas verdes, bigodes farfalhudos e jeeps topos de gama preferem gastar a massa noutras coisas, pois, por exemplo, o “Cherokee de 2004 já está com 25.000 kms e vou ter que o trocar”.
Em resumo, estes cidadãos de primeira recebem dinheiro dos cidadãos de segunda para pagar o seguro, não querem pagar a sua pequena parte, cagam no seguro, estoiram a massa e, se houver azar, desatam logo a chorar e a exigir aos seus concidadãos (o Estado não existe !) que os indemnizem.
Ora bem: eu não quero dar um único Euro dos meus impostos a estes chulos. Quero que eles se lixem. Aproveitem a próxima tempestade e vão para o raio que os parta.
E o que lhes fez agora o Ministro da Agricultura ? um manguito. Um belo e grande manguito. Não há indemnizações para ninguém.
Gosto deste Gomes da Silva. Não alinha em chulices. Um abraço, pá.

Saturday, June 17, 2006

A Selecção de todos vós

No início do Mundial, confesso, mea culpa, estava muito pouco confiante na qualidade da Selecção Nacional e no seu Grande e Incriticável Treinador, o lusitano Scolari.
Todavia, depois dos retumbantes triunfos (leia-se "goleadas") sobre as duas grandes potências do futebol mundial, sempre candidatas ao título, chamadas “Angola” e “Irão”, estou plenamente convicto que a selecção das quinas vai facilmente ser campeã mundial. Piece of cake. Daqui para a frente vai ser só cumprir calendário e é garantido que o caneco vem aqui para o rectângulo. Assim sendo, penso que a FIFA deveria facilitar a vida aos nossos craques. Para tanto, lanço daqui um veemente apelo aos responsáveis máximos do futebol mundial, no sentido que, transitoriamente, alterem as regras aplicáveis à equipa BES, digo, à Selecção portuguesa:
ARTIGO PRIMEIRO
Uma vez que o sol pode afectar a sua delicada visão, os nossos atletas deverão ser autorizados a jogar com os seus óculos escuros, desde que sejam de marca Channel, Dolce & Gabbana ou Prada.
ARTIGO SEGUNDO
Da mesma forma, deverão poder levar as suas pochettes Louis Vuitton, com o telemóvel, o auto-bronzeador, os anéis, pulseiras, brincos, relógios Cartier, tudo com muitos diamantes, os pensinhos dia-sim-dia-sim Gucci e os vários cartões de crédito “platina”.
ARTIGO TERCEIRO
Os galácticos portugueses deverão poder jogar com os seus Ipods, a fim de não serem incomodados com o ruído de fundo feito pelo povão feio e sujo que vai assistir aos jogos.
ARTIGO QUARTO
Os nossos jogadores-modelo, ou modelos-jogadores, não devem ser vistos a suar, pois não fica bem e as fãs podem não gostar. Por isso, o jogo deve ser interrompido de 10 em 10 minutos, para os homens irem à personal assistant fazer uma limpeza de pele com produtos La Prairie, retocar a maquilhage, colocar gel Calvin Klein no cabelo e ajeitar a bandolete Hugo Boss, sem a qual não conseguem jogar à bola.
ARTIGO QUINTO
Os jogadores adversários deverão ser rigorosamente proibidos de se aproximarem a menos de um metro dos manequins portugueses. É importante garantir que ninguém os despenteie ou suje, pois ficam feios e, muito menos, podem tocar-lhes na face, para não os aleijar, como ia acontecendo ao modelo-mor Figo no jogo com o Irão.
§ único - Caso algum jogador adversário viole esta regra, os jogadores de Portugal poderão jogar acompanhados de batedores da polícia local, que lhes abrirão os caminhos para poder circular no relvado sem problemas.
ARTIGO SEXTO
Deverá ser expressamente interdito aos fotógrafos do Record, da Bola e do Jogo tirar fotografias aos rapazes lusos. Os mesmos só poderão ser fotografados pelos fotógrafos da Caras, da Lux e da VIP, que passarão a fazer as reportagens dos jogos, leia-se, lamber os cús aos meninos. Estes jornalistas poderão interromper os jogos sempre que quiserem, desde que seja para entrevistar os jogadores sobre os temas realmente importantes das suas vidas, ou seja, as suas namoradas ou os seus divórcios.
ARTIGO SÉTIMO
Será expressamente proibido criticar os nossos heróis e, muito, menos, o deus Scolari. De outra forma, eles podem amuar - como têm feito - e, quando amuam, ficam feios.

Friday, June 16, 2006

E o vencedor é...





















ALMADA, visitante 4.000.

OBRIGADO A TODOS

bónus : o gajo mais romântico lá da rua. PLAY

everything she wants, everything she needs...













is just a metter of time


Ganda pinta pá.

Your Stripper Song Is

I'm Too Sexy by Right Said Fred

"And I'm too sexy for your party
Too sexy for your party
No way I'm disco dancing"

Yes, you're super sexy. But you never yourself too seriously!

Os trabalhadores da General Motors da Azambuja ...

... decidiram, numa ocasião em que o governo está ainda a fazer os posíveis e os impossíveis para manter a fábrica aberta, ajudar aquele a manter os seus postos de trabalho. Julgo, portanto, que todos estarão interessados em mostrar que os portugueses são uns trabalhadores incansáveis, que a fábrica é proveitosa e que existem muitas vantagens em manter a mesma aberta, porque aquilo que a malta quer mesmo é trabalho.
Vai daí ... entraram em greve.
Há certas manifestações de falta de inteligência que até causam alguma dor.

Wednesday, June 14, 2006

Adoro dias assim...




















Já tinha saudades de uma noite e de um dia assim...

Tuesday, June 13, 2006

Até eu, que não ligo muito a poesia ...

... ouvi no outro dia, no rádio, um poema escrito por um miúdo (não me lembro com que idade) a que achei muita piada e que reza assim:

"O AMOR É O DOBRO".

Monday, June 12, 2006

Comprem TIDE !!! (provocam um gajo ...)

Viajavam no mesmo compartimento de um comboio, um benfiquista, um sportinguista, uma loira espectacular e uma gorda enorme. Depois de uns minutos de viagem, o comboio começa a entrar num tunel e ouve-se uma sonora chapada. Ao sairem do tunel, o benfiquista tinha um vermelhão na cara.

- A loira espectacular pensou:
Este filho da mãe do gajo do Benfica queria apalpar-me, enganou-se, apalpou a gorda e ela deu-lhe uma chapada!

- A gorda enorme pensou:
O filho da mãe do lampião apalpou a loira e ela mandou-lhe um chapadão!

- O benfiquista pensou:
Este sacana do lagarto apalpou a loira, ela enganou-se e mandou-me uma
chapada.


- E o sportinguista pensou:
Oxalá venha outro tunel para poder mandar mais um chapadão no lampião!

O Mais Curto Conto de Fadas













Um vez uma princesa perguntou a um príncipe se queria casar com ela.
O príncipe disse "não".
E a princesa viveu feliz para sempre, sem ter que lavar, cozinhar, engomar, saindo com as suas amigas, divertindo-se com outros príncipes, sem ter que cuidar de nenhum deles.

FIM

para desanuviar aconselho isto : http://www.jacksonpollock.org/


Saturday, June 10, 2006

Perca peso. Pergunte-me como.

O sexo é a maneira mais eficaz de perder peso. Veja quantas calorias pode queimar ...

TIRAR A ROUPA
Com o consentimento dela - 10 Cal
Sem o consentimento dela - 190 Cal

ABRINDO O SOUTIEN
Com as duas mãos - 8 Cal
Com uma mão - 32 Cal
Com uma mão e sendo espancado por ela - 107 Cal

COLOCAR O PRESERVATIVO
Com erecção - 6 Cal
Sem erecção - 644 Cal

NA HORA "H"
Tentando encontrar o clitóris - 12 Cal
Tentando encontrar o ponto G - 13 Cal
Tentando virá-la para uma anal - 348 Cal

POSIÇÕES
Papá e Mamã - 12 Cal
Frango assado de perna aberta - 20 Cal
Cavalgada - 89 Cal
69 deitado - 10 Cal
69 em pé - 912 Cal

APÓS O ORGASMO
Ficar na cama abraçados - 18 Cal
Virar para o lado e adormecer - 36 Cal
Explicar à parceira que gosta muito dela e pq se virou para lado - 814 Cal

TENTANDO DAR A SEGUNDA
Se tem de 16 a 19 anos - 12 Cal
Se tem de 20 a 29 anos - 38 Cal
Se tem de 30 a 39 anos - 112 Cal
Se tem de 40 a 49 anos - 326 Cal
Se tem de 50 a 59 anos - 973 Cal
Se tem acima de 60 anos - 2.926 Cal

VESTINDO A ROUPA
Vestindo-se calmamente - 32 Cal
Com pressa para desaparecer - 96 Cal
Com o marido/namorado dela batendo à porta - 2.438 Cal

Thursday, June 08, 2006

Muito gostava eu de dar "com a mão na cara" deste grande sacana ...

• CASA DO GAIATOResponsável máximo dá bofetada a criança
O director-geral da Casa do Gaiato deu, esta quinta-feira, uma bofetada a uma criança de cinco anos, enquanto estava a ser entrevistado por um jornalista da agência Lusa. Entretanto, confrontado pela TSF, Acílio Fernandes desmentiu tal atitude.
( 13:54 / 08 de Junho 06 )
De acordo com o jornalista da agência Lusa, o responsável máximo da obra do padre Américo desmentia os maus-tratos na instituição quando uma criança tentou aproximar.Depois de, por diversas vezes, a ter mandado embora, o padre Acílio Fernandes deu-lhe uma bofetada, explicando depois ao jornalista que a estalada não era considerada um mau trato. «Isto não foi um mau trato, foi um bom trato. Não me viu antes agarrá-lo ao colo, acariciá-lo e beijá-lo? Sabe quem faz isso? É um pai. Nós aqui não somos directores, somos pais de família», justificou.Entretanto, confrontado pela TSF, Acílio Fernandes negou que tenha dado uma estalada à criança, sublinhando que apenas deu com a mão na cara do miúdo, sendo que este nem sequer chorou.«Nós não damos estalos por prazer e ninguém dá estalos de qualquer maneira. Eu mandei-o embora por diversas vezes e, como ele não foi, afastei-o com a mão», disse, acrescentando que o jornalista interpretou a atitude como «um estalo».

Se fosse uma selecção...


Você o chamado show de bola. Para si ganhar não é suficiente. É indispensável fazê-lo com arte. Gosta de ser o centro das atenções e de impressionar tudo e todos com as suas habilidades. Vive a vida descontraidamente e nunca faz drama, mesmo que surja uma situação mais delicada. É optimista por natureza, mas quando não consegue o que quer cai o carmo e a trindade e é um drama de novela!

Macau. De vez em quando dá as saudades...



























































Wednesday, June 07, 2006

Pois.













A famosa colunista da GLOBO, Miriam Leitão, conta que estava a bordo de
um avião, indo do Rio de Janeiro para Brasília. A seu lado, notou um
garoto de uns 09/10 anos, de óculos, com ar sério e compenetrado. Assim
que o avião decolou, o garoto abriu um livro, mas Miriam Leitão puxou
conversa:
- "Ouvi dizer que o vôo fica mais curto se a gente conversa com o
passageiro ao lado. Gostaria de conversar comigo? "
O garoto fechou calmamente o livro e respondeu: -" Talvez seja
interessante. Que tema a Sra. gostaria de discutir?"
-" Ah, que tal política? Você acha que devemos reeleger Lula ou dar uma
chance ao Serra?"
O garoto suspirou e replicou:
"Pode ser um bom tema, mas antes preciso lhe fazer uma pergunta".
-" Então manda!", encorajou Miriam.
-" Cavalos, vacas e cabritos comem
a mesma coisa, capim, grama, ervas, concorda?"
-" Sim", disse Miriam.
-" No entanto, cabritos excretam bolinhas, vacas largam placas de esterco
e os cavalos grandes pelotas... Qual a razão para isto?"
Miriam Leitão pensou por alguns instantes, mas confessou que não sabia a
resposta .
O garoto concluiu:
-" Então, como a senhora se sente qualificada para discutir quem deve
governar o Brasil, se não entende de merda nenhuma?"


Sem margem para erro.















post-scriptum : acrescento este video, há muito tempo que não me ria tanto. PLAY

Tuesday, June 06, 2006

Chalaça

Duas prostitutas encontram-se já a altas horas da madrugada e diz uma para a outra:
- Ai, filha nem sabes como tem sido esta noite. Já subi estas escadas umas 350 vezes, os clientes não param!!
- Ai coitadinha!! Deves ter os pés num estado!!

Relax.












































Depois de um fim de semana de loucos em Madrid, resolvi relaxar dedicando-me á pintura, por acaso com uma moçinha que trouxe comigo.

Como sou um gajo porreiro decidi partilhar com voçês esses momentos de pura criação.

Monday, June 05, 2006

Bom dia...




















A senhora idosa, perto dos 90 anos, mas toda despachada, numa farmácia:
- Vocês têm analgésicos?
- Temos sim senhora.
- Vocês têm remédio contra reumatismo?
- Temos sim senhora.
- Vocês têm camisa de vénus lubrificada?
- Temos sim senhora.
- Vocês têm Viagra?
- Vocês têm pomada anti-rugas?
- Vocês têm pomada para hemorroidas?
- Vocês têm bicarbonato?
- Vocês têm antidepressivos?
- Vocês têm soníferos?
- Vocês têm remédio para a memória?
- Vocês têm fraldas para adultos?
- Temos sim senhooooora.
- Vocês têm...
- Minha senhora, por favor! Aqui é uma farmácia, nós temos isso tudo. Qual é o seu problema, afinal?
- É que vou casar no fim do mês e o meu noivo tem 85 anos. Gostaríamos de saber se podemos deixar aqui a nossa lista de casamento aqui...!

Thursday, June 01, 2006

A Pergunta Certa

No passado domingo o Papa Bento XVI, visitou o campo de concentração de Auschwitz.

Foi neste campo de concentração, célebre pela ironia cruel das palavras «Arbeit Macht Frei» (o trabalho liberta) inscritas no alto do portão de ferro da sua entrada, que durante os anos de ocupação alemã foram praticados os mais horrendos crimes que a História da Humanidade já conheceu.

Decerto impressionado pelo tremendo peso histórico daquele local e tocado pela memória de quase dois milhões de seres humanos, a maior parte judeus, que ali morreram no meio do mais indizível sofrimento, o Papa Bento XVI perguntou, claramente comovido:

«Onde estava Deus naqueles dias? Porque ficou Deus silencioso? Como pode Deus permitir este infindável massacre, este triunfo do mal?»

Mas Bento XVI não fez certamente as perguntas correctas!
Visitando como Papa, enquanto líder máximo da Igreja Católica, um local de tanto sofrimento, talvez a pergunta mais adequada que Bento XVI deveria ter feito era:

- Durante os massacres de Auschwitz, onde estava Pio XII? Onde estavam todos os responsáveis do Vaticano? Como puderam eles ficar silenciosos perante este infindável massacre, este triunfo do mal?

E então, talvez bem a propósito, lhe surgissem tantas outras perguntas, há tanto tempo ainda sem resposta.
Por exemplo:

- Durante os massacres de Lenine e Estaline, onde estava Pio XI? Como pode ele ficar silencioso perante este infindável massacre, este triunfo do mal?

- Durante as ditaduras em Portugal e Espanha, durante as ditaduras militares da América do Sul, durante os massacres de Pinochet, Videla e outros que tais, onde estava Paulo VI? Como pode ele ficar silencioso perante este infindável massacre, este triunfo do mal?

- Durante os massacres de Mao Tse Tung e de Pol Pot, onde estava João XXIII? Como pode ele ficar silencioso perante este infindável massacre, este triunfo do mal?

- Durante os piores anos destas mesmas ditaduras, durante todos estes massacres em todos os continentes, onde estava João Paulo II? Como pode ele ficar silencioso perante este infindável massacre, este triunfo do mal?

- Durante os mais negros anos da Inquisição, por exemplo durante Tomás de Torquemada, onde estava Inocêncio VIII? Como pode ele ficar silencioso perante este infindável massacre, este triunfo do mal?

- Durante o processo de Galileu, onde estava Urbano VIII? Como pode ele ficar silencioso perante este infindável massacre, este triunfo do mal?

- Durante a imolação pelo fogo de Giordano Bruno, onde estava Clemente VIII? Como pode ele ficar silencioso perante este infindável massacre, este triunfo do mal?

Ou seja:
A pergunta certa não é, pois, “onde estava Deus?”.
Esse, como é hábito, tem as costas largas e nós já sabemos onde estava:
- Estava no sítio do costume!

Muito pelo contrário, a pergunta certa deveria antes ser:
- Onde estavam os homens?


da autoria de LGR em http://rprecision.blogspot.com/


Haverá ...

... actualmente algum tema noticioso mais desinteressante do que as trapalhadas em Timor ? alguém quer saber daquilo para alguma coisa ?

Boa tarde.

Bom dia.