Monday, November 30, 2009

Está na altura.


Era inevitável que acontecesse.

Sunday, November 29, 2009

Friday, November 27, 2009

Freguês, é como ?


Ouvir os nossos deputados na Assembleia da República é uma coisa absolutamente aterradora, deprimente e que me envergonha! Ouvi hoje parte da discussão em que foi vetada a continuidade do imposto por conta e outra coisa qualquer que já não percebi, pois independentemente do que se trate, a conversa é sempre a mesma, mais ou menos assim;

O Sr Deputado está a ser autoritário.
Desculpe Vossa Excelência é que não sabe ser democrata.
Vossa Senhoria quando tinha maioria não falava assim.
Peço desculpa ao Sr Presidente mas tenho que intervir...
Sr Deputado tem que aguardar a sua vez.
Sr Primeiro Ministro tem que concluir.
Vossa Excelencia está com a arrogancia que o caracteriza.
Ó Sr Deputado, o Sr não sabe do que fala.
O Sr Ministro é que não faz ideia do que o país precisa.


O assunto em si é indiferente. Já estou como o outro, leia às actas Sr Dr, leia as actas.

Meus caros isto é assustador. Eles estão a falar por nós. Eles estão a defender os nossos interesse. Sim o meu e o teu.
Só mesmo um país com uma sociedade fraca - sim, nós - em que nos preocupamos é se é feriado e fazemos ponte, ou se vai fazer Sol porque a chuva chateia-me e não posso ir para o Waikiki galar gajas e beber caipirinhas, é que permite que esta gente continue a ser nossa representante. Esta gente, e casos não nos faltam para o provar, está interessada em manter o seu status - no fundo são os mesmo há quantos anos ? - em vez de olharem a sério pelo País. Responder a lobbys e pressões - vejam a ameaça do Grupo Mota Engil - do que manter Portugal governável. Um país que aumenta a sua divida externa ao ritmo de 100 milhões de euros por dia e que continua a sonhar com TGV's, Aeroportos, Mundiais de futebol, Jogos Olimpicos etc...
Fod@-se temos o que merecemos, se não formos nós a olhar por isto, não vão ser eles de certeza.

Até um dia.

bohemian rhapsody

Thursday, November 26, 2009

E depois alguém escreve aquilo que tu pensas e não sabias como escrever. And small is tall.

As pessoas são um pacote de circunstâncias, de factos, de contactos, de vivências. As pessoas mudam e moldam-se à vida que têm e comportam-se consoante o grau de amargura ou de felicidade que predomina. As pessoas são as mesmas, na sua essência, mas com variantes no seu desempenho emocional. As pessoas são felizes com umas pessoas, mas não são com outras e isso nota-se. E quando são felizes, florescem, soltam-se, relaxam, deixam para trás a toxicidade passada. Isto é o que costuma acontecer. Quem não percebe estas mutações de sensibilidade terá uma grande debilidade emocional no momento de lidar com as pessoas e as suas pequenas variáveis. Podemos acompanhá-las ou ficar agarrados à pessoa do passado, àquela que agia assim porque se sentia assado, mas isso tem o seu preço – porque não somos os mesmos de ano para ano, de vida para vida. Somos tão felizes quanto podemos ser? Se formos bem resolvidos, assim será.

Escrito por esta senhora.



Para descontrair.

Wednesday, November 25, 2009

Tuesday, November 24, 2009

Entretanto.


"Ele convidou-me para entrar no seu próximo filme e eu disse que sim"
Ainda bem pá.

Eu acho que isto já foi aqui falado, mas nunca é demais

Há poucas coisas relativamente às quais eu sou completamente intolerante (no sentido de que detesto e não compreendo nem aceito que alguém possa gostar). Uma delas é a tourada. É um espectáculo bárbaro e vergonhoso - à imagem da fauna e marialvismo que o rodeia - que devia pura e simplesmente acabar. Estou certo que, com a evolução da espécie, mais década menos década, e com o refinamento dos costumes, vai mesmo acabar. Só que eu gostava que fosse já, pois é algo que nos envergonha a todos.
Dito isto, se eu mandasse neste país, nem que fosse só por uma hora, uma das coisas que fazia era decretar o fim das touradas e transformar as praças de touros em cinemas, auditórios, jardins, parques de estacionamento, ou destruía-as mesmo, para que nunca mais nos lembrássemos como a raça dita humana pode ser tão estúpido.
Gostaria muito de poder modestamente contribuir para esta causa, mas nunca sei como e não me parece que ir berrar para a porta de uma praça de touros seja a atitude correcta.
Se eu digo isto quanto a touradas, imaginem o que penso dos mentecaptos de Barrancos e afins. É simples: ia tudo preso. Mas isso, claro, se isto fosse um país a sério, o que não é.
Têm a palavra os fregueses.

Coisas que eu penso.


Não percebi como veio para a conversa dos américas aqui... Mais uma vez fica a minha opinião. Já fui algumas vezes aos USA, e tirando o facto de eles serem muito o seu umbigo, principalmente na costa leste e interior, já na costa oeste é tudo bem diferente, eu cá gramo, e muito, os USA. Costumo dar um exemplo da primeira vez que lá fui, tinha eu uns 23 anitos, ou seja há 24 anos, e entrei numa escola em Chicago, a convite de um amigo circunstancial uma vez que essa viagem foi em trabalho, e percebi o porquê dos cromos olharem muito para dentro...os gajos da minha idade lembram-se na escola primária haver um mapa mundo por cima do quadro, nós tinhamos a Europa ao meio, Àfrica em baixo, e a Àsia à direita, Oceano Atlântico e América na esquerda...pois eles têm a América ao centro e 1 oceano de cada lado, ou seja eles são o centro do mundo, e como são uns gajos práticos e não filosóficos como nós, para eles o centro é a América e o resto é conversa. Para o bem e para o mal. É fácil malhar nos USA são o país mais exposto do mundo, são uma bestas em algumas coisas, mas também são muito bons em outras.
Digam-me lá vocês qual
é o país perfeito ?

Monday, November 23, 2009

Shop owner femininity test

A pedido de muitas famílias (ok, nem por isso …), segue-se o teste de feminilidade. Espero que tenha mais sucesso do que o anterior, pois também me deu muito trabalho conceber algo que fosse minimamente científico. Basta de novo responder “Verdadeiro” ou “Falso” e ver os resultados no final:

1. Consigo estacionar um carro sem dificuldade
2. Prefiro usar sapatos confortáveis e sem salto e nunca visto saia
3. As crianças irritam-me um bocado
4. Só uso perfumes de homem e acho que os relógios de mulher são feios
5. Sou incapaz de usar cuecas fio dental. Odeio o elástico a roçar o dia inteiro no coiso
6. Adorava conseguir mijar de pé
7. As únicas revistas que leio são a “Turbo” e o “Playboy” e jornais só compro o “Record”
8. Não percebo como é que alguém é capaz de vestir wonderbras. Aquilo esmaga as mamas a uma gaja
9. Uso o cabelo sempre muito curto e nunca pus qualquer espécie de make-up
10. Pode perfeitamente haver sexo sem amor
11. Já pensei várias vezes em deixar crescer o buço
12. Acho que o Duda é um péssimo lateral-esquerdo e prefiro o Veloso ou o Peixoto naquele lugar
13. Todos os anos me esqueço do aniversário do meu marido/namorado.
14. Adoro filmes pornográficos
15. Curtia ter um Hummer H3x para levar os meus dois rotweillers
16. Comprar roupa é um pesadelo
17. Não tem mal nenhum os homens coçarem os tomates. Irritam-me mais quando me oferecem flores
18. Gosto de armas e a caça é uma actividade que me atrai
19. Ando com uma barra de ferro no carro e já rachei a cabeça a dois taxistas
20. A Ana Zanatty é um pessoa cinco estrelas
21. Já dei por mim a espreitar à socapa para mulheres que vejo em casas de banho
22. Todas as noites fumo uma cigarrilha e bebo uma aguardente velha
23. A Cláudia Vieira é boa como o milho e cá para mim o namorado dela não dá conta do recado
24. Anéis e brincos incomodam-me
25. Não gosto nada de me depilar. Se os pêlos crescem é por algum motivo

0 – És um ícone da feminilidade. Uma mulher à séria. Uma gaja como deve ser. Celebridades incluídas nesta categoria: Giselle Bündchen, Gina Lollobrigida, Bar Refaeli e José Castelo Branco.

1 – 8 – Não te importavas muito de ser homem e quando eras miúda passavas a vida à porrada com os miúdos lá do bairro. Estragavas os ténis todos e andavas sempre suja. Agora pões uma gravatinha de vez em quando e até achas que ficas gira. Por vezes tens dúvidas em que casa de banho deves entrar. Gostas de ser tu a provar os vinhos e nunca aceitas que um homem te ofereça o jantar. Na intimidade da cama, gostas de assentar umas palmadas no rabo do teu homem. Toma atenção a outros sinais e faz este teste regularmente para ver se o número de “Verdadeiros” aumenta ou não. Se aumentar e deixares de gostar da SIC Mulher, pede ajuda profissional.

9 – 16 – Se pudesses pagavas para ter nascido homem. Desde que te roubaram o carrinho de rolamentos nunca mais foste a mesma. Às vezes, sem saberes porquê, olhas para o teu marido como se ele fosse gay e tens vontade de o sodomizar (na verdadeira acepção da palavra, porque em sentido figurado todas as mulheres têm essa vontade). A partir de hoje já sabes porquê e o melhor que tens a fazer é continuar a ver com ele o Rui Santos no Dia Seguinte, os All Blacks na Sport TV 3 e nunca te preocupes se o tipo fecha ou não a tampa da retrete ou mija para fora.

17 - 24 - Não és mulher nem homem. És um ente híbrido e eclético, que tanto se sente atraído por homens como por mulheres (e nesse aspecto até é bom porque duplicas o universo de potencial engate). Sabes muito mais sobre castas do que sobre cosméticos. Gostas de fardas, mas é mesmo para as vestir. Pára de chatear o teu marido para ele usar os teus collants. Tens o sex appeal de um semáforo fundido, mas não tens nada com que te preocupar - o teu caso é irremediável e irreversível. Em tua casa mijam os dois para fora, so what ? Tenta poupar dinheiro para fazer um implante de silicone: mete uma pila, de preferência com um ossinho.

25 – És homem, certo ? Sapatão mesmo. Assim de repente fazes lembrar o Charles Bronson. És mais másculo do que o Goucha, o Sócrates e o Portas juntos (até porque dois destes usam cuecas fio dental, o que tu recusas). A Dina ao pé de ti parece a Pamela Andersen. Tenta mudar o nome para Carlão, Marco ou Sandro Manuel, continua a fazer musculação todos os dias e vais ver que sacas ainda mais gajas.
E, enfim, quem é que não gosta de sacar gajas ?

Impressionado...


... com a dinâmica do tasco este fim de semana. Palavras caras, conversas profundas, eleveção...seja lá o que isso for, e seja lá do que for. Fica a minha opinião, eu sou a favor do casamento e da adopção por pessoas do mesmo sexo. Pronto, um bom dia para todos.

Sunday, November 22, 2009

Saturday, November 21, 2009

Friday, November 20, 2009

Isto faz-me tanta impressão ...



Se eu mandasse prendia-os a todos. Malucos ...
Eu sei que o que se segue é uma piada seca e pouco inteligente, e com poucos palavrões para aquilo que a freguesia gosta. Mas têm que compreender que eu sou um tipo simples, sem estudos, pouco culto, e que mal sabe ler e escrever, pelo que acha graça a estas coisas simples:
O que o futuro nos reserva:
Casal gay casados de fresco resolvem adoptar uma criança. Certo dia esta entra na casa de banho e vê o pai nu. Movida pelo espanto natural e depois de observar a sua pila, a criança diz:
- Pai, que grande pila tu tens !
- Grande?? Só dizes isso porque ainda não viste a da tua mãe!

Seal.

Just like you said.


Para terminar a semana em beleza e em calma.
Bom fim de semana.

Ironias e pensamentos.


A ironia é o filme "Morrer como um homem" ganhar o primeiro prémio de um festival gay. Eu acho do catano. A não ser que fosse sobre uma lésbica.

1º pensamento. Imaginem que tudo o que se passa à volta de Sócrates era com Santana Lopes. Vá imaginem, façam um pequeno esforço. Que tal ? Pois.

2º pensamento. Os accionistas do BCP ficaram incomodados com a entrevista de Joe Berardo à Playboy. Foda-se, eu primeiro ficava incomodado de ter o Fuck You Costa como accionista, e depois ninguém fica incomodado de ter o Vara como Vice-Presidente ? Anyone ? Pois.

Vou dar uma de Francis, mas não em estrangeiro

Há músicas que me fazem reflectir. Sim, porque eu também tenho sentimentos. Às vezes, ao fim da tarde, pego no Ipod e vou até ali à praia, ver o pôr-do-sol e, por vezes, chorar um pouco. Uma das músicas que mais me toca fundo é a seguinte:

De todas as capoeiras
Lá da minha freguesia
Não há pito mais bonito
Que o pito da tua Maria
Ó Maria dá-me o pito
Ó Maria dá-mo cá
Ó Maria dá-me o pito
Toma lá, dá cá
Maria vem ter comigo
Eu digo-lhe bem zangado
Diabo de rapariga
Quero esse pito mais bem lavado
Ó Maria dá-me o pito
Ó Maria dá-mo cá
Ó Maria dá-me o pito
Toma lá, dá cá
Que pito tão rechonchudo
Bonito e cabeludo
Havia quem o dissesse
Que o comia com penas e tudo
Ó Maria dá-me o pito
Ó Maria dá-mo cá
Ó Maria dá-me o pito
Toma lá, dá cá

Thursday, November 19, 2009

TESTE DE PANELEIRICE

Após uma rápida batalha judicial, o Francis foi obrigado a readmitir-me. Dura lex sed lex. A Henriqueta foi dispensada e eu cá estou de novo, para mal dos vossos (muitos) pecados.
Segue-se um teste de paneleirice. Basta responder “Verdadeiro” ou “Falso” e ver os resultados no final:
1. A simples ideia de comer caracóis e beber cerveja mete-me imenso nojo
2. Consigo ser só amigo de uma gaja boa, sem nunca pensar em comê-la
3. Sinto um arrepio na espinha quando vejo o Cristiano Ronaldo em tronco nu
4. Gosto mais de gatos do que de cães
5. Adorava saber dançar a dança do ventre
6. A minha cor preferida é o lilás
7. Quando me estão a fazer uma massagem num SPA de luxo nunca penso na hipótese de aquilo descambar para uma massagem tailandesa
8. Tenho paciência para aturar os problemas das mulheres e sou bom conselheiro
9. Sou muito romântico e amo escrever poesia em língua francesa
10. Odeio futebol, mas gosto da Selecção Nacional e do seu treinador, o Sr. Scolari
11. Se bebesse um bagaço morria
12. Ando pelos blogs a fingir que sou mulher e no carnaval adoro vestir-me de matrafona
13. Depilei-me totalmente, incluindo o peito e a zona do ânus
14. Ando a juntar dinheiro para comprar um BMW Mini, um Fiat 500 dos novos ou um VW Beetle
15. Às refeições só bebo cerveja sem álcool, Coca-Cola light ou, ao fim de semana, vinho rosé. Quando me passo bebo um Baileys
16. Às vezes choro com as letras das músicas
17. No final das refeições bebo sempre um descafeinado com adoçante
18. O George Clooney é uma brasa
19. Não sei como funciona o motor do meu carro e nem sei mudar um pneu
20. O meu prato favorito é quiche de espinafres com molho bechamel e salada de rúcula com tomatinhos encarnados e um pouco de mozzarella
21. Choro a rir com as revistas do Sr. La Féria e uma vez vi a Sra. D. Amália
22. Sinto-me confortável quando visto roupa justinha
23. No fim de ano sou capaz de beber espumante até cair para o lado
24. Admito a hipótese de vir a fazer uma lipoaspiração se a minha celulite continuar a aumentar
25. O Sr. Eng. José Sócrates é o homem mais sexy de Portugal. No Correio da Manhã voto sempre nele
26. O todo-o-terreno é uma actividade muito porca
27. No carro só ouço os CD’s do António Variações e sei as letras de cor

Agora somas os “Verdadeiro” e os resultados são os seguintes:
0 – És um macho à séria. Dos antigos. Já há poucos como tu. És um animal em vias de extinção e estás ao nível do Francis e do autor deste teste. Parabéns !
1 – 10 – És homem, tudo bem, mas notam-se aí alguns sinais de alerta. Põe-te a pau ou um dia destes começas a tentar obter o número do telemóvel do Malato e a ouvir Maria Bethania.
10 – 20 – CUIDADO ! Já não tens muitas hipóteses de cura, mas ainda podes tentar. Nem penses em fazer um penteado igual ao do Miguel Veloso ou descobrir onde é que o Goucha compra a roupa. Talvez ainda te safes, mas as hipóteses são remotas. Não falta muito para ires ao quarto escuro ou requereres um membership na ILGA.
20 – 25 – Esquece. És um caso perdido. É garantido que usas a roupa interior da tua mulher e o melhor que tens a fazer é comprar uma casa no Príncipe Real e habituares-te à ideia de todas as noites teres um tipo diferente na tua cama, preferencialmente vestido de marinheiro.
26 – 27 – Tenho uma boa notícia para ti: tu não és paneleiro, és gaja mesmo. Tens período, dores nos rins e tudo. A única hipótese de salvação é tornares-te lésbica, caso em que começas a gostar de gajas outra vez.




Just do it...


Fuck yourself with a rubber hose
Stick it in your mouth and down your throat
Up your nose and in your heinie hole
I don't care where it goes
And it don't matter if you're straight or gay
You should fuck yourself anyway
Now, you don't have to listen to a word I say
But I know you, you'll be humpin' away
Fuck yourself with your neighbor's nose
If you can't use that, use a 10-foot pole
Stick it up your ass and go for a stroll
Everyone will know you've been to this show

If you can't take, eat my stool
Masturbate with some crazy glue
I don't care what you do
Fock yourself with a garden tool
Fuck yourself with politics
Ahh they're full of fuckin' fuckin' shit
I mean you know we've been lied to ever since we were born
It's amazing that we've been getting fucked that
long
Fuck yourself with the world wide web
Man you could ride that sucker right from your bed
You may even meet a Tom, Dick, Jane or Billy
Then grab onto your modem and fuck yourself silly

Fuck yourself with your heart and soul
Give it everything you got, hey I'm talkin' to you
If you can't even fuck yourself,
How ya gonna fuck somebody else?
Fuck yourself with my microphone
I'll give it to you later when we're all alone
We can turn it up loud
And see if you come, but
Don't get your jizz on my microphone
Fuck yourself with organized religion
Now that is some seriously sinnin' business
If the Lord sees their pathetic crimes
He'll be fuckin' them 'til the end of time

And can someone explain to me this racist crap
I know it isn't white, but it isn't black
And to all you people who only see things your way
Well, you can suck my dick and take all day
Fuck your nose with a pound of blow
Watch your money get up and go
but when you burnt your brain and you say
I don't know!
I hate to tell you but I told you so
Fuck yourself with this grunge rock noise
I mean, stuff those albums in your groin
They come down on me because I know how to play -
Hey... fuck you!
Fuck yourself with a copy of Rolling Stone
Or are they too holy for your holiest of holes
Now those people think they're holier than Moses
But aren't they just a bunch of fuckin' posers
Fuck yourself with your mother's jewelry
I won't tell, I ain't a stooly
If you pounce hard enough you'll cough up a ruby
Your blood will be rich and so will your doodie
Fuck yourself with the latest fashion
With your spikes and your hair and those cute
little buttons
And if you happen to have some leather and lace
Fuck yourself 'til you're blue in the face
Fuck yourself with your income tax
They're fucking you and that's a fact
Before you know it your money's all spent
And you've just been fucked by the government
Fuck yourself with your lawyer friend
You're the only one that's getting fucked in the end
I have been so fucked by legal bills
that my asshole is the size of Beverly Hills
Fuck yourself with your full-length sweater
With your minks and your diamonds and your Irish Setter
With your cash and your trash and your sinks and your drinks
Just fuck yourself 'til you can't even think

Those of you who enjoy this song
thank you thank you, I love you
Let's get it on
But for those of you who are totally outraged
Fuck yourself with your face

Sem comentários.


Em determinadas situações, podem matar-se bebés e crianças sem que isso seja homicídio. O governo israelita paga a rabinos que vivem na zona de conflito entre Israel e a Palestina, para matarem bebés e crianças que tenham os pais malvados. Os responsáveis consideram que todo o árabe e cristão são seres menores, mais perigosos, e sempre dignos de alguma desconfiança.

Ainda há lugar no foguetão para estes filhos da puta ?

Wednesday, November 18, 2009


I'm playing with fire,
And not getting burned....
I may not know what you're going through.
But time is the space,
Between me and you.

Multiplicar portugueses destes pode ser ?


Maria do Céu da Conceição fundadora do Dhaka Project foi eleita a mulher do ano nos Emirados Árabes Unidos.
Continuo sem perceber porque é que os portugueses no estrangeiro conseguem ser melhores pessoas e atingir patamares de sucesso que nunca seria possivel se continuassem por aqui.
Portugueses desta qualidade é que eu queria que houvesse mais.

Tuesday, November 17, 2009

Agora multiplicar



Imaginemos agora o oposto (sim, eu sei que vai ser muiuuiitttoo mais difícil, dizer bem de alguém é lixado). Imaginemos que podíamos multiplicar algumas pessoas para ter um mundo mais bonito. Quem multiplicariam ?
Eu começo com as minhas queridas Liz Hurley e Ana Lourenço, que, não desfazendo, são as duas mulheres mais bonitas do mundo, há que dizer estas coisas com frontalidade.
No final farei a lista dos odiados e dos amados.

Monday, November 16, 2009

Pessoas que me mexem com o sistema nervoso


Volta não volta tenho este sonho: poder escolher um conjunto de pessoas – sem limite – que seriam metidas num foguetão e enviadas para o planeta mais longínquo possível e daí nunca mais voltariam para nos incomodar com a sua reles existência. Correndo embora o risco de ferir algumas susceptibilidades, e tendo como ideia inicial um dos últimos posts do Francis, desde já indico alguns que meteria à força no foguetão, pedindo aos fregueses que forneçam outras sugestões: Alberto João Jardim; Isaltino Morais; Raymond Domenech; Fátima Felgueiras; Jorge Nuno Pinto da Costa; Bárbara Guimarães; João Gil; José Eduardo dos Santos; uma das minhas cunhadas; João Braga; Augusto Santos Silva; João Soares.
Já vou acrescentando outros …
Sugestões ?

Don't look back.



É tempo de seguir em frente.

Take me to the place that you go and nobody knows...




ps: Let it last.

AJJ at (13)his best.


«Eu estou preocupado e empenhado é com o povo madeirense e com a Madeira, o que se passa na Sicília hispânica é um problema daquela gente que eu não tenho nada com isso, nem quero saber daquilo para nada»
O homem é uma besta, mas define o rectângulo como ninguém.

Toma e embrulha.


O sábado estava a correr bem, aproximava-se a hora da bola - Portugal.Bósnia - estava tudo pronto, quando me chega a noticia do novo treinador do Sporting. Quem ? Como ? Onde ? Não, não pode ser. Não, não é possivel. Mas, mas, mas... fiquei sem reacção, esperei uma e outra vez para ter a certeza que estava a ler e a ouvir bem. Sem outro remédio entreguei-me ao consolo da minha garrafinha de Zubrowka, antes do previsto, mesmo assim não consegui ficar tão mal como o Toni a relatar o jogo - fui só eu que notei ? Menos mal que Portugal ganhou o jogo, muito a custo diga-se, e a malta divertiu-se. No dia seguinte, além da ressaca, que era um mal menor, veio a confirmação, Carvalhal era mesmo o novo treinador do Sporting. Estou em estado de choque.

Sunday, November 15, 2009

A minha vida é uma constante trafulhice

Segundo me foi dito - claro que eu não sou o autor deste pensamento ofensivo, com o qual aliás não concordo - num país a sério este trafulha profissional há muito que estaria atrás das grades.
Vejamos a coisa pelo lado positivo: estando preso e usando a respectiva farda, sempre passaria a vestir melhor do que veste cá fora, e mais barato ...
p.s.) estava escrito nas estrelas que o racionamento das vacinas contra a gripe A, sobretudo por causa de alguns critérios convenientemente vagos, iria demonstrar tudo o muito de mau que há neste país sul americano relativamente a amiguismos, compradios, cunhas e todas as demais merdas do género, actualmente personalizadas no Trafulha mor do reino. Cada um à sua medida, somos um país de trafulhas. Alguém me sabe explicar porque carga d'água a Júlia Pinheiro teve direito a uma vacina ? As esganiçadas fazem parte de algum grupo de risco ? ou serão as gorduchas ? Ou me engano muito, ou este é só o primeiro caso incompreensível de muítos outros miseráveis que se seguirão ...

Friday, November 13, 2009

Escolhe o teu.






Eu vou-me andando.
Divirtam-se.

A quem é que isto nunca aconteceu ?

Numa operação STOP o polícia manda parar um condutor e faz-lhe o teste de álcool.
Vê o resultado – 2,45 g/l – mostra o aparelho ao condutor e pergunta:
- Veja.... Não tem vergonha ?
Responde o condutor:
- PORRA !!!! Um quarto prás 3 da manhã !!! A minha mulher vai-me matar!

Maõs à obra.


Em Espanha "Meter mãos à obra" é uma iniciativa do Governo da Extremadura.
"O prazer está nas tuas mãos" é o mote da campanha.

E vocês, precisam ser incentivados ?

Thursday, November 12, 2009

Cláudia Jacques (quem ?) vs Playboy lusitano

Segundo a própria se anda por aí a queixar, a Playboy não pagou à tal Cláudia o fee acordado para se despir. É chato, convenhamos. Se eu me despisse todo para uma revista, gostava que me pagassem o acordado.
Um tipo tinha a ideia de que aquilo era uma cena tipo “despe ! despe ! despe !” e que iam logo pondo as notas na roupa interior e tal, mas parece que não. Despem-se a crédito. Tratando-se de uma devedora portuguesa, o calote até nem surpreende. Esquisito era se pagassem.
Não sei qual é a vossa opinião, mas para mim a revista é fracota. Parece a Playboy americana dos anos 70, mas depilada e com mais botox, silicone e photoshop. As supostas celebridades que se despem e mostram alguma (pouca) coisa, vão desde cotas do jet-cinco a actrizes e modelos de segundo plano, em regra à procura de trabalho. No último número a “estrela” é, ao que parece, uma empregada de uma discoteca. Tememos os próximos números, sobretudo agora que se sabe que os tipos nem sequer pagam o que combinam. No seu todo, a escala do erotismo presente na nossa Playboy equivale mais ou menos ao erotismo de uma paragem de autocarros ou ao sex appeal do Jorge Coelho. Não prevejo vida longa. Mais um ou dois números e aquilo acaba.
Voltando à “estrela” Cláudia Photoshop Silicone Jacques, tenho para mim que o feitiço acabou por se virar contra o feiticeiro:
- A Playboy não pagou os honorários à Cláudia (que profissão escreverá ela no recibo verde ?)
- Por causa disso, a Cláudia não pagou a factura do “famoso” médico que a recauchutou
- Como não recebeu da Cláudia, o “famoso” médico não pagou à “Caras” o preço da “entrevista” promocional que lhe fizeram junto à piscina de sua casa
- Não tendo recebido o pagamento do “famoso” médico, a Caras não pagou ao paparazzi que lhes vendeu as fotografias “secretas” da Elsa Raposo a sair da clínica, a chorar, depois de saber que tinha perdido o 18º filho virtual depois da sua 18ª gravidez virtual
- O paparazzi, sem esse dinheiro, não pagou à Elsa os honorários combinados pelas suas fotografias à saída da clínica
- Revoltada com o paparazzi, a Elsa não pagou as últimas seis prestações do leasing do BMW série 3 (usado garantido) que esperava amortizar à conta das gravidezes falsas
- A BMW, aborrecida com a Elsa, não pagou à Playboy os anúncios do novo série 1, que foram publicados na revista nas páginas imediatamente anteriores ao depoimento escaldante de uma tal Ana Anes, no qual esta relatava uma cena escaldante (e real) de sexo louco e desenfreado com um tipo que estava à frente dela na bicha do supermercado. Agora pergunto: qual é a mulher que nunca teve vontade fazer o mesmo ?

Wednesday, November 11, 2009

ADIVINHA

Transcrição ficcional de escutas telefónicas (fls. 213 a 215 dos autos) – qualquer semelhança com a realidade é pura coincidência:

1. Telefonema no dia 20 de Abril de 2007, às 10h24m:
(Ex-político pouco importante, com muitos conhecimentos e sob escuta) – “Então, Maximiano, tudo porreiro ?
(Pobre diabo não ligado à política mas muito rico, ninguém sabe como) – “Tudo bem e com o Sr. Dr. ?
(Ex-político) – “Também. Então quando caem os meus 500 euros ? Já fiz a minha parte !
(Pobre diabo) – “Amanhã sem falta levo-lhos aí Sr. Dr.. Em notas, certo ?”
(Ex-político) – “Certo. Cá o espero

2. Telefonema no dia 10 de Dezembro de 2007, às 18h06m:
(Político muito importante e ainda mais rico) – “Tou, tás bom ?”
(Ex-político sob escuta) – “Cá se vai andando. Então o que é mandas desta vez ?”
(Político muito importante) – “Era aquela coisa dos cinco milhões de euros que nos prometeram. Estão-me a fazer falta, estou sem roupa e tenho que ir aos Estados Unidos comprar uns trapos. Com o meu ordenado nem na Zara posso comprar roupa …”
(Ex-político sob escuta) – “Desculpa lá, meu, passou-me, é tanta coisa. Vou falar com o gajo e amanhã faço-te o depósito
(Político muito importante) – “Porreiro, pá. Qualquer dia vais ter que pagar juros (risos)

3. Telefonema no dia 14 de Abril de 2008, às 11h38m:
(Bardamerdas da província, que não manda em nada e pode ir preso que ninguém quer saber, mas é muito rico, nem ele ainda percebeu porquê) – “Então, Senhor Professor Doutor, como é que vão as coisas ?
(Ex-político sob escuta) – “Não estão mal, Bardamerdas, mas estariam melhor se o senhor me pagasse os 1.800 euros que combinámos. Sei que já recebeu o material todo
(Bardamerdas) – “Pois recebi, desculpe o atraso Senhor Professor Doutor. É o costume, em numerário ? Podemos ir almoçar ao Eleven e entrego-lhe o saco. Já aprendi a comer com faca e garfo e gostava de lhe mostrar (risos)
(Ex-político sob escuta) – “(risos) Não acredito, você arrota, solta gases e tudo … mas fica combinado. Ou começa a fazer as coisas a tempo e horas ou deixo de o ajudar …

4. Telefonema no dia 8 de Agosto de 2008, às 20h55m:
(Político extremamente importante) – “Então, meu grande malandro. Cadê os nossos dez milhões ?
(Ex-político sob escuta) – “Tás bom ? Agora ligas com número não identificado ?
(Político extremamente importante) – “Tem que ser, porque se não já sei que não me atendes. Preciso do guito, meu. Já parece que estou outra vez nos velhos tempos, pá
(Ex-político sob escuta) – “Vou falar com eles. Eles é que estão a falhar, os filhos da puta …
(Político extremamente importante) – “Bem, tu vê lá, qualquer dia lixo-te.
Tenho que dividir a massa com uma data de malta, e os gajos já me andam a chatear !”

Sucede que duas destas escutas são legais e duas destas escutas, segundo aqueles matraquilhos que falam muito para a televisão à porta dos tribunais e mandam nestas coisas, são obviamente ilegais e deviam ter sido apagadas.

Adivinha: quais são as duas escutas legais e quais são as duas escutas ilegais ?

O Sporting não arranja treinador...


Mas a loja arranja um reforço de peso. Diz-se, e confirma-se, que bom filho à casa torna. Por isso é com um misto de emoção, alegria e mesmo algumas lágrimas*, que vos comunico que a partir de amanhã vamos ter outra vez connosco um blogueiro de primeira, daqueles que vale a pena, daqueles sem papas na lingua, daqueles bons. A partir de amanhã o H volta a escrever neste blog. Nos arquivos há muitos posts dele.




ps; óbviamente que o H tem defeitos...foda-se é do benfas e do mesmo business que o meu caro sacana.
* aplica-se também ao regresso da minha muito querida Irritadinha.
ps1; a ironia é que é uma coincidência do catano uma vez que a Irritadinha e o H se picaram várias vezes...

Última hora. Já há treinador no Sporting.


Chama-se Paolo Bienti , é italiano, um completo desconhecido para o mundo do futebol e foi hoje ao final da manha apresentado como treinador do Sporting. O novo treinador surpreendeu pelo seu fluente português, mas foi parco em palavras, prometeu trabalho, pediu tranquilidade aos sócios e jogadores, e ainda avisou que não gosta muito de jogadores sérvios nem pensa mudar o losango como esquema de jogo. Por seu lado José Eduardo Bettencourt realçou a dificuldade em encontrar um substituto à altura, mas acredita que este treinador italiano é o único capaz de preencher o vazio que tem no coração e que foi uma sorte encontrar alguém assim em tão pouco tempo.

Forever ?


À luz dos acontecimentos envolvendo a palavra forever - vocês sabem do que é que eu estou a falar - cada vez que agora aqui no computador me aparece a mensagem "are you sure you want to delete forever ?" como é que eu sei que é mesmo forever ?

Tuesday, November 10, 2009

A Single Man



O Tom Ford - sim esse - estreia-se na 7ª arte como realizador, e tem um elenco à 'altura', Colin Firth e Julianne Moore. Esta mulher acelera-me o coração.
A ver vamos como se dá o Ford nestas lides, o trailer deixa boas indicações.

E assim ?










Gostam ou não ?

Friday, November 06, 2009

Later.


Have a good one.
Weekend, of course.

A vida tá dificil...



Afinal voltei.
Afinal ainda tenho que coiso.
Afinal não devia ter coiso.
Afinal o coiso é coiso.
Afinal não é forever.