Tuesday, June 01, 2010

A vida difícil de uma Gaja Boa

A Gaja Boa (GB) é uma gaja com um corpo que varia entre o razoável e o muito bom (dependendo do crivo do homem) e que se veste e tem uma postura, em geral, com o único objectivo de atrair a atenção dos homens, seja no metro, no cinema, numa festa ou noutro sítio qualquer.

Uma GB que se preze vive para os homens, existe por causa dos homens e está sempre a pensar nos homens, mesmo que tenha só um e esteja feliz assim. Gosta de chamar a atenção dos machos, ponto final parágrafo.

Ora, para conseguir este objectivo, a GB tem diversos truques, que, em geral, envolvem uma elevada dose de sofrimento físico. No pain no gain.

As perguntas que farei a seguir são dirigidas aos homens e só aos homens.

Imaginem o sofrimento que é terem que, antes de ir para a cama, lavar a cara com diluentes vários e exfoliantes (?) e barrar a mesma com creme de noite.

Imaginem o sofrimento que é, de manhã, depois do banho, encher o corpo com cremes adelgaçantes, reafirmantes, hidratantes e o camano e a cara com cremes de dia, betumes, eye liners (?), blushes (?), baba de caracol (?) e, novamente, o camano.

Imaginem o que é usar umas coisas pintadas (por vezes “artisticamente”) no final dos dedos, que se chamam unhas, verdadeiras ou falsas (gel ?), que vos dificultam (quase) tudo o que quiserem fazer com as mãos.

Imaginem o que é, em vez dos boxers largos e confortáveis do costume, ter que vestir umas micro-cuecas (?) fio dental com um elásticozinho que vos irá roçar no dito cujo todo o santo dia.

Imaginem o que é auto-mutilar-se com um wonderbra, que mais não é do que um conjunto de elásticos fortes e torturantes, que vos irão apertar o peito e arrebitá-lo, de um modo tão asfixiante que, quando o tirarem, deixam marcas que custam a passar.

Imaginem o que é vestir e passar um dia inteiro com umas calças dois números abaixo do vosso, com as pernas, o rabo e tudo o resto literalmente comprimido, mais do que é permitido pelas leis da física.

Imaginem se, em vez das calças, usarem uma mini-mini-saia, que, estando muito frio ou muito calor, vos fazem passar o dia com as pernas sujeitas aos humores do clima.

Imaginem o que é calçar, em vez do vosso cómodo calçado habitual, uns sapatos ou umas botas extra-bicudas, que comprimem o pé de uma forma desumana e encavalitam os dedos (ok, já me disseram que os dedos não ficam encavalitados mas eu não acredito).

Imaginem o que é calçar algo tão incómodo que vos desequilibra para a frente por ter um salto com 8, 9 ou 10 cms (por vezes a própria sola também é alta, o que torna o andar ainda mais desconfortável e, por vezes, ridículo).

Imaginem – ok, isto não é privativo das GB – o horroroso que será andarem um só dia com meias de nylon (arghhh) ou passarem a vida a “fazer as virilhas”.

Imaginem o que será, quando envelhecerem, submeter-se, a torto e a direito, a operações plásticas, tendo como único propósito o de tentarem continuar a ser, durante o maior período possível, G (pelo menos vestidas) B, recusando-se a aceitar o passar dos anos e as respectivas marcas.

Em conclusão, eu acho que as GB sofrem muito, mas muito mesmo, para chamar a nossa atenção, pelo que merecem a devida recompensa. E eu, pela parte que me toca, estou sempre disponível para lhes reconhecer todo o mérito, da forma que elas quiserem.

41 comments:

Queen Grimhilde said...

Não sendo GB, confirmo que os dedos não se encavalitam.

Margarida said...

Eu cá não uso sapatos ou botas em bico. Não gosto. Mas já usei e confirmo: os dedos não encavalitam.

E Brutus, deixa que te diga, a tua disponibilidade derrete-me o coração.

PS: Não sou GB, podes continuar a ser bruto :D

_+*A Elite in Paris*+_ said...

Excelente post!

A Elite

Brutus said...

Considerando o que confirmam expressamente, registo tb td o que confirmam implicitamente ......

Queen Grimhilde said...

E o que é que foi confirmado implicitamente?

Mia Capgras said...

Graças a Deus que sou mais feia que a Manuela Ferreira Leite!Isso de ser boa deve dar trabalho.

Brutus said...

O confirmado implicitamente é tudo aquilo que eu digo que n é contestado

Disidério Estrela said...

Não sejas mentirosa Mia...

Margarida said...

Então e quando é que te passa pela cabeça que existem gajas naturalmente boas?

Lamento rebentar a tua bolha mas existem pessoas (tenho uma amiga assim) que acorda linda e sensual, assim, sem maquilhagem nem sequer silicones. Pronto, existem.

Brutus said...

Margarida: Uma gaja boa pode perfeitamente ser "naturalmente boa". Nada contra. Todavia, quando sai para a rua aposto contigo que já vai com a maioria dos índices de sofrimento que referi.
O que é difícil, mas tb há, eu sei, e isso n são GB's mas tesouros, são mulheres que chamam a atenção dos homens sem terem que sofrer para isso.

Brutus said...

ps) A minha "bolha" ????

loirices said...

depois de ler tudo, fiquei a pensar se não será válido GB para gaja burra!?

Queen Grimhilde said...

Divido casa com uma GB natural (convém especificar), não usa cremes, não tens restrições alimentares. Usa saltos altos sim, mas a onda dela é mesmo o chinelo. Veste aquilo com que se sente confortável, e siga. Resumindo não precisa encarnar uma árvore de Natal para notarem que ela existe. Não foi referida a parte da inteligência (se não me engano), mas também não me parece que as estejas a insinuar que sejam burras, pelo menos esta GB natural de que falo de burra não tem nada.

Brutus said...

Queen: é muito simples - não acredito. Só vendo.
Não insinuei nada qt à inteligência. Se fizeres questão posso insinuar.

Brutus said...

Não quero q te falte nada.

Queen Grimhilde said...

Estás muito S. Tomé, religiosidade matinal?

Insinua, não te quero inibido.

Brutus said...

Só vendo mesmo, e por vezes tocando. Tem que ser.

Não insinuo nada. Eu sabia que este post ia afectar algumas mulheres mais sensíveis ...

O fenómeno "GB" e necessidade premente de chamar a atenção das cabeças dos homens é transversal: atinge desde as mais burras, até às mais inteligentes (isto, claro, se admitirmos que há mulheres inteligentes e que isso não é só um mito urbano - BRUTUS NO SEU MELHOR !!!!).
By the way: sabes qual é a semelhança entre as mulheres e os golfinhos ?
De ambos se diz que são muito inteligentes, mas nunca ninguém conseguiu provar.
eh eh, venha de lá porrada.

Francis said...

eu cá gosto de gajas boas. é. gosto. sei.

Queen Grimhilde said...

Quando ela for a Cascais eu aviso-te. Depois ainda dizem que sou azeda...

A parte das piadas machistas, se eu podia responder? Podia, Brutus, podia. Mas estou com um bom humor tão grande que não me apetece responder a certos complexos masculinos.

Brutus said...

Francis, nós somos brinquedos nas mãos das gajas boas. Fazem o que querem de nós e isso revolta-me profundamente.

Francis said...

só me revolta quando ela não faz bem feito. é, não sou esquisito, sei.

Brutus said...

cascais ? eu moro na Nazaré.
Olha a Queen picadinha ...
Gosto de te ver assim.
Não confundas dados científicos com so-called "complexos masculinos". Os homens não têm complexos.

Brutus said...

E qd começa a ficar calor e as elas começam a andar mais despidas ? dão cabo de mim.

Queen Grimhilde said...

Tens de te esmerar mais para eu ficar picadinha Brutus...

De facto é bem visto, os homens não têm complexos, os homens são o complexo em forma de gente.

Pedro Coimbra said...

Pois, e o que a gente sofre quando entra de manhã no elevador com essa GB e sente o cheiro a esses cremes todos, mais o cheiro a perfume barato, tudo misturado com suor?
Qualquer coisa do género chupa-chupa gigante apodrecido???

Brutus said...

Queen, ficas bem nesse registo. Dá-me, como é que se diz .......... ............ como é que se diz .... pica !
De factos os homens são complexos. As mulheres são coisas mais simples. Muito simples.

Pedro: imagina o que é faltar a electricidade nesse teu elevador ...
Mas olha q tb há GB's q usam perfumes caros.

Queen Grimhilde said...

O que te dá pica são as GB. Não inventes.

O maior complexo dos homens é acharem que são simples... daí em diante há um mundo de ponto a explorar, e quiçá, manipular.

Queen Grimhilde said...

Ou seja as mulheres são coisas simples, porque os homens são objectos básicos.

Brutus said...

Os homens a sério só têm um complexo: o da superioridade. Compreende-se, não ?

Limita-te a comparar o sofrimento que os homens estão dispostos a sentir para agradar às mulheres com o que as mulheres sofrem para agradar aos homens.

E, sim, os homens gostam de ser manipulados. E, por uma questão de decoro, mais não digo a este respeito.

Queen Grimhilde said...

Não se compreende... Nota bem a incongruência, então V. exas têm o complexo da superioridade e depois gostam de ser manipulados? Brutus... Brutus...

Brutus said...
This comment has been removed by the author.
Francis said...

eu pergunto, o que é os arrebaldes ?

Queen Grimhilde said...

É normal, é sempre mais fácil manipular o que cada um cada um considera mais importante. Essa é básica Brutus...

Queen Grimhilde said...

Claro, claro. Por isso e que há vários níveis de manipulação, Brutus. Sabias dessa? Ou queres um desenho?

Brutus said...

Quero um desenho sff. Podes mandar por mail.

Queen Grimhilde said...

Grande complexo de superioridade... a ficar curioso com o rabisco de uma mulher... Brutus, Brutus...

Brutus said...

mandas ou disseste aquilo só para n estar calada (o q é tipicamente feminino, aliás) ?

Queen Grimhilde said...

Mando sim, estou a procurar o adequado. Credo que nervoso... acalma-te Brutus!

Queen Grimhilde said...

http://www.youtube.com/watch?v=thAzHvoUQrQ

Aqui tens uma explicação básica, é certo. Depois? Depois é só adaptar o contexto ou a vítima. Mas isso tu já sabias.

Brutus said...

Agora n tenho tempo, mas depois juro q vejo.
Estou um bocado chateado com isto. Ninguém me trata por "Meu bem".

Queen Grimhilde said...

(não tem o mesmo impacto mas eu tento) Brutus, Meu Bem, continuo a dizer estás muito sensível hoje. Assim ninguém fica picado...