Friday, July 02, 2010

O sindroma da pila pequena...


9h30m Infante Santo, um gajo sai do carro todo exaltado para insultar outro. O outro ainda tentou sair do carro mas o pessoal da fila começou tudo a apitar e a coisa ficou por ali.

9h40m Marginal, outro gajo sai do carro, depois de várias travagens à frente do outro, e começa aos berros e a dar murros no vidro do condutor. Este nem tentou sair do carro pois o outro era uma besta do caneco.

Está tudo louco. Está tudo frustrado.

28 comments:

Imperator said...

isso é tudo frustrações pelo aumento do IVA...

Francis said...

imperator, e foi só 1%, nem quero imaginar se fossse como na roménia que foi 5%.

© said...

:o

Francis said...

ci, :)

Queen Grimhilde said...

Se me é permitida a opinião, acho que é o síndrome do capacho. É. Ou seja, no emprego não pode levantar cabelo, com os filhos berre o que berrar os putos não o ouvem, e de resto ou a esposa ou mãe (quando não são as duas) é que mandam nele... Ora, o homem tem de extravasar para algum lado não?

Onde se pode sempre encontrar simpatia é entre os taxistas, é verdade. O sinal ainda está verde para os peões e eles já estão a buzinar. Peão sofre.

Francis said...

queen, também pode ser, sem desprimor, eu prefiro a minha...acho-lhe mais graça...
dos taxistas nem falo.

Queen Grimhilde said...

Compreendo, mas ainda assim acho que a "pila pequena" só é o verdadeiro motivo quando o tipo tem uma caçadeira ao lado. É a velha regra "Deus tira de um lado e mete no outro".
O taxista é o maior, os mais humildes perguntam o caminho que o cliente quer.

Francis said...

ah, então é por isso que eu não tenho caçadeira...nem com canos serrados.

Margarida said...

Anda tudo com a cabeça feita em água!
Por falar em água... vou agora para lá eheheh.
Já te respondi lá mas sim, as temperaturas mantém-se. Muito calor. Demais, até!

Queen Grimhilde said...

Ainda não te deram a licença?

(não resisti, pá)

Francis said...

margarida, ainda bem pá...
dá lá um mergulho pela malta...

Francis said...

queen, não pá, acharam que eu não era equilibrado para possuir uma arma grande...

Queen Grimhilde said...

O teu caso é como o de um amigo meu, se calhar. Ele diz que só tem licença para canivete.

Francis said...

mas um canivete suiço, no meu caso pelo menos....

Queen Grimhilde said...

Isso, liberta o MacGyver que há em ti. Aposto que com dois fósforos e saliva fazes uma casa.

Pulha Garcia said...

Eu se mandasse nesta merda criminalizava os gorilas na estrada.

Francis said...

pulha, exactamente...

San said...

é uma guerra. a guerra do asfalto.
(tem tréguas, tem incidentes, tem confrontos, tem diplomacia, tem emboscadas, tem terras de ninguém, tem estratégias, tem tácticas, tem convenções...tem demasiados mortos e estropiados).

Boop said...

Boa!
Conseguiste estar em 10 minutos na marginal!!!

Ele há tantas maneiras de medir o tamanho das pilas!!!!!............

Francis said...

san, é uma tristeza...só hoje relatei aquilo que vi, de certeza que já viste também cenas destas...vergonha.

boop, da Infante Santo à Marginal são 30 segundos....

loirices said...

olha, o meu comment sumiu, estou quase a sair do carro como o outro, que dizia eu deve ter falta de amor.

Francis said...

loirica, aqui não some nada...sai lá do carro e vê debaixo do capô...

LMGM said...

Ontem na 2ªcircular, um bacano de mercedes descapotável sai do carro, pede calma com os braços aos restantes automobilistas, abre a mala, retida um enorme ramo de flores e oferece às 4 raparigas que estavam no carro atrás de si.

Perante a gargalhada geral, fez uma vénia e voltou ao seu carro!

P.S. - Ele estava acompanhado por um elemento do sexo certo, logo, julgo que não tinha problemas de pila.

Francis said...

LMGM, ahahahahahhahahahahahahhah muito bom.

me. said...

É do 'calorie'!

Boop said...

Oh pá... para mim a marginal começa só no alto da boa viagem....
Mas o problema é meu!!!!
Eheheheh

Francis said...

me, podes crer...

boop, e começa muito bem....para cascais ou para lisboa ? if you dont mind that i ask...

Anonymous said...

Eu acho é que anda muito boa gente a precisar de levar uns estalos no focinho. Como a gaja que estacionou a banheira BMW, série 5 (pequenino o carrito, né) no estacionamento do Metro, no único sitio onde não tinha lugar assinalado no chão, e "entalou" o carro à sua frente, quando tinha 5 lugares disponíveis ao lado. Ou como o funcionário da Câmara que estaciona a carrinha de caixa aberta no cruzamento, em cima do STOP e ainda me manda pró caralho porque ele está a trabalhar (eram 8h 30 da manhã... se calhar eu ia ao cinema a essa hora...).
Está tudo a pedi-las, é o que é!

Kikas