Wednesday, September 14, 2011

Coiso e tal

Coiso e tal, tal e coiso, rio acima, rio abaixo.
Pronto, já foste.

35 comments:

Francis said...

Fui onde, meu ? Almoçar ? Sim, já fui.
E tu, foste onde, coño ?

Malandrão said...

Já foste para segundo lugar nos posts, que é o que compete, meu. Mas já me ultrapassaste outra vez.
Não te posso dizer onde almocei senão ofendes-me.

Francis said...

diz-me, baby...

Agostinho o Charmoso said...

Falando em baixo, tenho uma comichão na virilha. Queres dissertar sobre o tema ó aprendiz de malandro?

Malandrao said...

Experimenta lavar bem. Pode ser q passe. A água às vezes faz coisas q n te passam pela cabeça.

Agostinho o Charmoso said...
This comment has been removed by the author.
Agostinho o Charmoso said...

Bom dia para ti também!

Acho que não é disso que eu até só tomo banho com água do Luso (quando lá vou). Deve ser algo relacionado contigo, pá, porque sempre que leio as tuas respostas a comichão surge.

Malandrão said...

Ah, então tens alergia à verdade. Às vezes acontece, é.

Agostinho o Charmoso said...

Eu?? De todo, olhe note bem, se eu tivesse alergia à verdade não tinha dito que também fazes posts de merda, ora essa. Reveja o seu ponto de vista...

Agostinho o Charmoso said...

Falando em rever tomei a liberdade de te corrigir no meu brilhante post que demonstra nitidamente as diferenças entre países.

Malandrão said...

Essa marcou-te, hein ? não achas o putativo "contra-ataque" um tanto pueril ? Bolsa o que quiseres, por mim é-me igual.

A propósito de bolsar, quanto à "correcção" que "tomaste a liberdade" de fazer, seria cómico se não fosse trágico (mas está descansado porque é uma confusão normal entre pessoas que têm dificuldades com a língua portuguesa, o que infelizmente sucede com a maioria da população).
A palavra correcta, que eu quis escrever e escrevi é "SACIEDADE" e não "SOCIEDADE". Se não fosses um ser tão sensível, dizia-te onde deverias meter a "correcção".

Já agora, "tomo" também a "liberdade" de te dar um conselho (de borla): se lesses mais livros e menos blogs aprenderias palavras e expressões que nem te passa pela cabeça que existem.

Agostinho o Charmoso said...

Sabes que os coices marcam sempre, mesmo os passam ao lado. Devias melhorar a tua pontaria.

Grato, vou levar a sério a sugestão de alguém tão maduro que não só apagou um comentário de merda como ainda fez questão de escrever mais 3 ou 4 piores que o primeiro.

Agostinho o Charmoso said...

E já agora és alguma autoridade em Letras para me vires dar lições?

Malandrão said...

Isso, vai comprar e ler um livrinho, vá. Vendem-se numas lojas chamadas "Livrarias" e (ainda) há por aí algumas.
Com sorte, encontras um que tenha a palavra "saciedade", cuja existência desconhecias e agora já conheces (quem é amigo, quem é ?).

Aproveita e compra um dicionário de português.
Boa leitura !

Agostinho o Charmoso said...

Vou sim senhor, de caminho passo pelo Campo Grande vou ao hipódromo e pondero comprar um presente para ti (ou pelo menos que lá alguém me indique uma loja catita para isso), quatro ferraduras novas. Que número calças?

Malandrão said...

42. Leva um saco e apanha o que vires por lá no chão. Pode servir para os teus próximos posts.

Agostinho o Charmoso said...

Não posso levar o saco porque já fico com as mãos ocupadas com o teu almoço: um fresco e suculento fardo de palha.
Vê bem como eu sou um amor de pessoa, prejudico a minha inspiração em prol da tua boa nutrição!

Malandrão said...

Estás de novo a ver mal. Levas as mãos ocupadas com a palha e um saco vazio no bolso. Entregas a palha e aproveitas o saco para trazer a mesma palha já transformada pelo sistema digestivo e pronta para usar nuns tantos blogs daqueles instantâneos que tu botas só para atropelar o anterior.

Malandrão said...

ps) A propósito, agora sou eu que estou com um problema de português: não sei se devo dizer que tu "botas um post" ou que tu "bostas um post" ...

Agostinho o Charmoso said...

Malandrão essa imagem é tão bonita que só não choro porque não sou dado a paneleirices. Achas que a bosta que produzes vale mais que alguns livros?

Quanto ao atropelo... deixa-te de merdas! O teu post sobre os camionistas esteve ali sete horas em exposição, não te chega?

Agostinho o Charmoso said...

O bostar posts é só para seres que calibre maior como tu, um dia lá chegarei! Até já fiz uma promessa à Virgem Maria para que se torne realidade!

Malandrão said...

Qual é a tua promessa ? aprenderes a escrever ?
Não é preciso promessa, porra. Aposto que até aí na tua Junta de Freguesia deve haver aulas nocturnas para os adultos tirarem a 4ª classe, pá.

Se a ideia é escreveres como eu, parece-me complicado, mas não sou eu quem te vai impedir de sonhar.

Agostinho o Charmoso said...

Sabes qual foi o teu melhor post pá? "Eram cinco contra um, e ele ganhou". Porra que coisa brilhante! Onde aprendeste a escrever assim? Eu penhoro a minha vida mas vou pra lá, catano!

Malandrão said...

"penhoras a tua vida" soa bem e até é uma palavra cara. Só é pena não fazer qq sentido no contexto.

Sabes os meus posts todos de cor ? isso penhora-me de vergonha. É que eu não me lembro de um único teu. Desculpa.

Agostinho o Charmoso said...

Há duas coisas que nos marcam sempre: o muito bom e o muito mau. Espero que um dia um post teu me marque por ser muito bom.

Malandrão said...

Reconheço que alguns dos meus posts não são fáceis de entender. Tenho que me disciplinar e começar a escrever para pessoas mais simples.

Agostinho o Charmoso said...

Acho que primeiro te devias disciplinar para escrever. Fica-te bem essa ambição, mas dá um passo de cada vez. Por vezes a ambição pode ser a ratoeira na longa escadaria que tens pela frente!

Malandrão said...

A única ratoeira que me aparece pela frente (rectius - por cima) quando escrevo por aqui é um post teu feito à pressão.
O meus posts são uma espécie de Viagra para a tua capacidade de escrever inanidades.
Só é pena que sofras de "postação" precoce.

Agostinho o Charmoso said...

Tens noção que conotas os meus posts como "posts de merda" e tu és a inspiração deles, também não gozas de grande calibre criativo... certo?

Mamão said...

pára tudo ! eu sou a inspiração dos teus posts ? fónix, a que devo a honra ? será que eu os devia ler com atenção ?

Em todo e qualquer caso, gostaria que soubesses que não tenho os meus posts em tão elevada conta como tu tens os teus. A maior parte dos meus são efectivamente merda, mas merda mesmo, pelo que se alguém qualificar um post meu como tal, mais não estaria do que a dizer a verdade, pelo que eu nunca ficaria "enxofrado".
Sei reconhecer um post de merda quando o vejo, e isso acontece muitas vezes com os meus.
Constato que consideras os teus como obras primas, acima de qualquer crítica ou reparo.
Eu gosto de criticar e não me importo de receber críticas e vivo bem com elas.

Agostinho o Charmoso said...

Sério?

Mamão não sei bem de onde tiraste essa ideia que eu acho os meus posts "obra-prima". sou o primeiro a dizer que não sei escrever, sei comunicar por escrito que é bem diferente de dizer que sei escrever.

Por fineza de espírito não voltas a colocar palavras na minha boca!

Mamão said...

Ele há pessoas que encaixam bem as criticas e outras que não. Tu não fazes parte do primeiro grupo, longe disso.
Tens que perceber que, quando alguém que faz parte do primeiro grupo, descobre alguém do segundo, diverte-se à brava a tirar partido disso.

Agostinho o Charmoso said...

Mamão, não te parece infantil e vil andar por aí a etiquetar as pessoas? Francamente.

Ainda me hás-de mostrar uma prova de que eu não aceito bem criticas.

Mamão said...

Eu "etiqueto" o que quero e me apetece.

"uma prova de que eu não aceito bem criticas" ????ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahah MUITO BOM MESMO !!!! MUITO MUITO BOM !

Agostinho o Charmoso said...

Claro, um mamão que se preze chora por tudo quanto mais lhe dá jeito no momento.

Vês? Não tens factos que comprovem o que dizes acerca de mim.