Tuesday, August 14, 2012

O triunfo dos Porcos.

Relativamente à javardice jornalística, vem isto a propósito do tratamento que se tem visto nos últimosdias ao caso Luisão. Digo desde já que o que me move não é qualquer castigo ao atleta ou atingir o Benfica, mas sim, o branqueamento nojento que se tem visto da situação, algo bem diferente do tratamento dado aquando do caso João Pinto,que estas mesmas pessoas pediram a cabeça do jogador numa bandeja. É espantoso que estes atletas condenem o árbitro e passem a mão pela cabeça de Luisão como se este fosse uma vitima. Tendo a A Bola o desplante de dizer que o treinador Alemão confortou Luisão na situação, ou que os jogadores germânicos também se riram da situação. Para a A Bola, a galhofa pegada do treinador e jogadores benfiquistas não merece qualquer reparo, tal qual a peitada de Luisão, merece uma leve critica que seja. Um pique de 50 metros direito ao árbitro com a respetivo encosto é então para a A Bola perfeitamente natural. Para a mesma publicação o Benfica vai escapar ao castigo porque não havia ficha de jogo e o árbitro não expulsou nenhum jogador. Ou seja, para o jornal, sem ficha de jogo qualquer jogador pode agredir o árbitro sem qualquer problema, e se o árbitro ficar inanimado, por exemplo, por uma cabeçada de um atleta, como não o expulsou, o jogador sai incólume. Grande A Bola. Como diz Vitor Serpa "sempre na vanguarda do jornalismo".  Também Ribeiro Cristóvão que estava assustado com a humilhante imagem que o Sporting iria dar de Portugal ao levar 7/8 batatadas do City, ainda não se manifestou sobre a bonita imagem que o Benfica propagandeia pelo mundo fora. Tal qual o senhor Luís Sobral que apoiou o boicote dos árbitros ao Sporting e exigiu um pedido de desculpas de Godinho Lopes à corja do apito, agora tarda em dar a sua opinião sobre este caso. E aqui assiste um problema; a celeridade e facilidade com que as penas se afiam para escrever e massacrar o Sporting, e a lentidão quando são outras cores envolvidas...

in Quinta Del Duque

Ps; Ficámos também a saber, pela boca do JJ, que aquilo que Luisão fez, faz parte do código de conduta do Benfica. Certo.

2 comments:

Anonymous said...

Estou certo que existe um numero significativo de teclados cheios de sémen graças ao importante "caso Luisão".

Toca a bater punhetas, pessoal.

Eu acho que se arranjarem uma vida ou, no mínimo, uma namoradita, iam preocupar-se menos com o Luisão.

Francis said...

se é importante foi a tacanhez dos lampiões que a fez...tivessem sido sérios no momento e tinham acabado com este caso vergonhoso à nascença...mas não, os mais grandes, arrogantes, quiseram anchicalhar que se meitia com os mais grandes...não se fodem porque em Portugal não há justiça séria prós mais grandes.
tenham vergonha.
és tu Pragal Collaço ?